sexta-feira, 28 de março de 2014

Acionistas minoritários estrrangeiros da Petrobrás querem Jorge Gerdau fora do Conselho de Administração

Políbio Braga
Os acionistas estrangeiros da Petrobrás correm lista para exigir que o industrial gaúcho Jorge Gerdau seja imediatamente afastado do Conselho de Administração da Petrobrás.

. Dr. Jorge ocupa a cadeira de representante dos donos de ações preferenciais.

. A alegação é de que ele nada fez para garantir o repasse dos custos dos combustíveis aos consumidores e também proteger a correta governança corporativa.

. A repórter Samanta Lima, da Folha, hoje, que foi quem revelou as informações que circulam deste ontem no mercado financeiro internacional, onde o industrial gaúcho é conhecidíssimo, disse que os acionistas estrangeiros já têm até candidato para o cargo, no caso o economista paulista José Monforte.

. Entre os estrangeiros estão a gestora de recursos escocesa Aberdeen Asset, o fundo de pensão americano California State Teacher’s e a gestora inglesa  F& C.

. No Brasil, outro sócio minoritário relevante, o Bradesco Asset Management, disse hoje que continua apostando no brasileiro.

-  Jorge Gerdau ocupa a cadeira há 13 anos. Ele é visto no mercado como homem alinhadíssimo com Lula e Dilma, ocupando várias posições importantes no governo, entre as quais a de conselheiro da Petrobrás, membro do Conselhão e assessor direto de Dilma no Palácio do Planalto. Os problemas de Gerdau podem estar apenas começando, porque nos EUA o tipo de atuação que ele teve na Petrobrás poderá custar-lhe até mesmo impedimentos para o exercício de funções diretivas em empresas. O grupo Gerdau possui empresas nos EUA. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Seguidores

Arquivo do blog

LIBERDADE COMO NOSSO DOM MAIOR

Ser livre para ir e vir!Pela liberdade de expressão.Pela humanidade contra os pregadores da escuridão que assolam nosso mundo moderno.Democracia verdadeira sempre,não aquela de fachada que persegue quem não compartilha de suas idéias.