sexta-feira, 6 de junho de 2014

Por outra via

aloizio mercadante
Mercadante: nem sim, nem não
Henrique Alves bateu no Palácio do Planalto para tentar uma saída do beco em que está, apertado entre os interesses do governo e a pressão da oposição (Leia mais aqui).
O tema: a exigência de DEM, PPS e PSDB em pautar o decreto apresentado por Mendonça Filho que susta a decisão de Dilma Rousseff sobre a participação de conselhos populares em assuntos do Executivo.
Henrique Alves sugeriu a Aloizio Mercadante que o governo revogue o decreto de Dilma e envie a mesma proposta num projeto de lei, que teria de passar pelo Congresso para entrar em vigor.
Mercadante só ouviu, não disse se aceitou ou não a ideia. Henrique Alves agora não poupa Dilma:
- A oposição radicalizou, apresenta argumentos que não existem, mas o governo errou na condução disso. Não deveria ter sido feito por decreto, deveria ter dado voz ao Parlamento.
Por Lauro Jardim

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Seguidores

Arquivo do blog

LIBERDADE COMO NOSSO DOM MAIOR

Ser livre para ir e vir!Pela liberdade de expressão.Pela humanidade contra os pregadores da escuridão que assolam nosso mundo moderno.Democracia verdadeira sempre,não aquela de fachada que persegue quem não compartilha de suas idéias.